Undercover - Capítulo 10: GoodBye

| | |


Savanna Hastings P.O.V

 Dias Atuais


Já era quase oito da noite e eu ainda estava parada no mesmo lugar, pensando em como matar Ethan Dessai e salvar meu tio e meu primo.
Mas só estava perdendo tempo eu tenho menos de quarenta e cinco horas horas para salva-los, e se para salva-los eu ter que perder tudo, eu então irei perder tudo.

Dei partida no meu carro e dirigi até o local onde eu sabia com quem iria conseguir achar o microchip.

[...]

Se passava das dez, quando a porta das casa onde eu estava se abriu, um homem meio alto entrou, vestido com um terno preto e segurando sua maleta. Não havia mais ninguém naquela casa além de nós dois, porque em duas horas eu havia planejado tudo. Ele deixou sua maleta no sofá e andou até a cozinha afrouxando sua gravata, pegou um prato na geladeira que continha comida congelada e foi em direção ao microondas, antes de apertar o botão ele notou minha presença atras dele e se virou imediatamente, pegando uma faca tentando me acertar porém eu fui mais rápida segurando seu braço e deixando a faca cair no chão.

- Quem é você? - ele perguntou meio assustado.
- Eu sou o minimo dos seus problemas, Geoff Payne. - sorri o empurrando fazendo ele sentar em uma cadeira.
- O que você quer então? - ele ia se levantar mas eu não deixei.
- Embaixo da sua cadeira tem um explosivo que foi ativado quando você sentou, caso você queira levantar - olhei pra ele- Você sabe.- sorri cinicamente.
- Quem é você? E o que você quer comigo? - ele estava nervoso, tava até soando.
- Eu só quero conversar. - disse mais normalmente possível.
- Minha esposa, e minhas filhas onde elas estão? - ele perguntou preocupado.
- Não se preocupe, elas foram jantar fora. Você as chamou - ele me olhou- ops -sorri colocando a mão na boca.
-  O que você quer comigo? Quem te mandou?
- Muitas perguntas - disse friamente- Agora é a minha vez - puxei uma cadeira sentando de frente com ele.- Eu quero o microchip, e eu sei que está com você - ele riu.
- Eu não sei do que você está falando - ele já estava me tirando do sério, Liam não tinha nada há ver com aquele homem.
- Quer jogar? Vamos jogar então - me levantei da cadeira e fui até a sala pegando uma foto da família na parede e voltando para a cozinha- Que linda família você tem - disse mostrando o quadro.
- Você não seria capaz - ele ficou sério.
- Testa a minha paciência então, que você vai receber a noticia da sua família toda morta de hora em hora um. - notei que ele tinha ficado com medo então me sentei em sua frente novamente- Olha, é bem simples se você não me der esse chip, pessoas bem piores do que eu irão vir tirar de você - balancei a cabeça- Eu estou falando de Ethan Dessai - agora ele estremeceu.
- Dessai? - ele engoliu seco.- Você trabalha pra ele?
- Não, mas ele está com algo que me pertence - olhei pra baixo- E só irá me devolver se eu lhe entregar o chip, então seja bonzinho e me entregue. - sorri.
- Ele está com o que seu?
- Minha familia - respirei fundo tentando não passar nenhuma emoção.
- Está no relógio - ele disse por fim, sai andando procurando algum relógio- Não aqui - ele gritou- Está com o meu filho na Universidade - parei o que estava fazendo e o olhei- O nome de é Liam, é esse garoto ai da foto. - apontou com a cabeça pro porta retrato.
- Eu sei quem ele é - o homem me olhou- Eu estou há mais de um mês tentando encontrar esse microchip com Liam.
- O que? Você estava perto do meu filho esse tempo todo?
- Sim, mas não se preocupe ele está bem. - fui até o microondas colocando três minutos-. Me escute, Você precisa sair da cidade por quarenta e oito horas, espere sua mulher e filhas chegarem façam as malas e peguem Liam no Campus, vão para uma casa no campo, sei lá, mas você precisa sair daqui. E não conte pra ninguém sobre o que aconteceu aqui - liguei o microondas- Quando sua comida estiver pronta, você poderá se levantar - disse saindo.

Saí da casa e segui direto pro Campus, estacionei o carro de qualquer jeito e rodeei os quartos até achar o de Liam, não queria que mais ninguém me visse, abri a janela sem que ninguém percebesse e entrei. Ele estava saindo do banheiro com uma toalha enrrolada em sua cintura e outra secado seus cabelos.

- Brooke? - ele me olhou surpreso- O que aconteceu? - olhei pro seu braço mais o relógio não estava com ele.
- Preciso do seu relógio - foi a única coisa que eu consegui dizer.
- O quê? Pra quê? - eu só olhei pra ele e ele foi até o criado mudo pegando o mesmo e me entregando.

Percebi que do lado direito do relógio tinha um risco preto, tipo um corte, pressionei minha unha contra e o microchip saiu, mas meu Deus como eu fui tão burra? No relógio, na porra do relógio. Peguei o microchip e guardei.

- Brooke o que está acontecendo? - ele chegou perto mas eu me afastei.
- Olha Liam, eu não sou muito boa com palavras mas queria te dizer que você me mostrou um novo mundo enquanto eu estive aqui, um mundo do qual eu fugi faz alguns anos atrás. - suspirei- Eu to indo embora e você nunca mais irá me ver.
- O quê? - ele perguntou com espanto- Você não pode me deixar.
- É complicado, é pra sua própria segurança, esqueça tudo o que a gente teve, apague essas ultimas semanas da sua vida, assim como eu irei fazer. - eu tava me segurando pra não chorar, mas eu tinha que me manter forte na frente dele-.
- Eu fiz algo de errado? Porque você tá fazendo tudo isso? - seus olhos estavam marejados.
- Eu tenho que ir.- me aproximei dele lhe dando um ultimo beijo, o beijo de despedida.

E naquele momento eu não consegui segurar minhas lágrimas, então senti meu rosto encharcado, ele segurou em meu rosto o acariciando e secando minhas lágrimas, ele me olhava como se pedisse que eu ficasse, mas eu não podia eu tinha que ir, a qualquer momento seu pai iria chegar pra busca-lo.

- Adeus - foi a única coisa que eu consegui dizer e sai de seu quarto batendo a porta.

Eu sei que foi arriscado sair pela porta, mas dane-se.
Sai de dentro do Campus voltando para o meu carro. Eu tinha o microchip e ainda tinha um pouco mais de quarenta horas pra salvar minha família, eu estava um passo a frente, e sabia exatamente o que fazer.



5 comentários:

  1. Perfeito !! Continua!!

    ResponderExcluir
  2. MEU DEEEEEEEEEUS TÁ SIMPLESMENTE PERFEEEEEITO Continua Jacky OMG , SEU DIVO TE AMOOOOO <3

    ResponderExcluir
  3. Continua por favor... To amandando <3

    ResponderExcluir
  4. Continua, por favor eu to amando

    ResponderExcluir
  5. Nunca leia escutando far away do nickelback... Chorei :(

    ResponderExcluir