Unfaithful - Capitulo 17

| | |
Eu quero me casar com você!

SeuNome P.O.V's

Determinação. Essa palavra estava para mudar a minha vida de agora em diante. Minhas aulas da faculdade voltaram na próxima semana, e eu irei me dedicar muito. Eu irei acabar tudo com o Will, e poderei viver feliz com meu Harry. Há alguns anos, eu venho juntando algumas economias, com o dinheiro que eu ganho do meu pai todo mês, e da minha mãe também. Eu sei muito bem que se eu pedisse um apartamento para o meu pai, ele não me negaria, mas eu quero ser independente deles. Sim, o dinheiro é deles, mas mesmo assim, eu levei anos para juntar, então, o esforço basicamente também foi meu. Eu preciso sair da casa da mamãe, eu já tenho 19 anos.

Liguei para o corretor que vendeu essa casa para a minha mãe, e ele pediu para me encontrar na cafeteria que fica bem próximo daqui. Ele iria mostrar alguns imóveis intactos, com ele disse. Faltavam vinte minutos para dar o horário, mas eu já estava pronta. Eu realmente estava ansiosa. Ouvi alguns passos, então automaticamente olhei para a escadaria, onde minha mãe estava descendo.

Eu: Bom dia mãe!
Mãe: Bom dia minha querida. - Ela sorriu e foi para a cozinha. 
Eu: Mãe, eu preciso falar uma coisa para você. - Eu "corri" até ela, que estava pegando um copo na prateleira. 
Mãe: Pode falar. - Ela falou, sem deixar de prestar atenção no café que ela colocava na xícara. 
Eu: Euvoucomprarumapartamentoeireimorarlá. - Eu falei rápido e fechei os olhos com medo da reação dela.
Mãe: Que bom minha filha. Mas onde você tirou o dinheiro? - Sério? Ela não ficou surpresa nem assutada?
Eu: Eu juntei todo o dinheiro que você e o papai me dá ué. 
Mãe: Eu esto muito orgulhosa filha. Meu coração dói, saber em que você não estará mais aqui, mas eu sou mãe, e sei que um dia todo passarinho cria asas, e ele voa. - Ela falou sorrindo. 
Eu: Mas eu sempre estarei aqui mãe, você sabe disso. Como eu vou voltar as aulas da facul, eu poderei vir aqui menos vezes, mas eu não deixarei de vir aqui. Talvez 1 ou 2 vezes por semana eu quero vir aqui te ver. - Eu falei e ela me abraçou. Eu olhei para o relógio da parede e percebi que faltavam apenas 5 minutos então me desgrudei da minha mãe. - MÃE, eu preciso ir agora, até mais tarde. Tchau! - Falei rápido e corri para fora de casa. 

Andei apressada pelas ruas vazias e calmas de Londres. Minha rua sempre foi assim, e eu adorava isso. O chão repleto de flores e folhas caídas no outono, era uma cena bem bonitinha. Finalmente cheguei na cafeteria, ao entrar soou um sino, acho que era detector de presença, uma coisa assim. Avistei o homem alto, com cabelos grisalhos, olhando para o cardápio. Era ele, eu sempre reconheceria o Phill. Ele já fora um dos melhores amigos da minha mãe, mas ai ele se mudou de cidade, e eles se afastaram. E olha lá, ele voltou para a velha Londres. 

Eu: Phill! - Falei sorrindo. 
Phill: Pequena.. mas já não tão pequena assim, SeuNome. - Ele se levantou para me cumprimentar. 
Eu: Há quanto tempo você está aqui em Londres? - Perguntei me sentando. 
Phill: Há alguns meses. Mas estou impressionado, você cresceu muito. Eu me lembro de quando você só tinha 13 anos, e eu fui embora, você até brigou comigo, lembra? - Ele disse aos risos e eu assenti. - Então agora, você me procura, para comprar um apartamento. Ai que eu fiquei impressionado. Tão jovem, e tão decidida. Muito bem SeuNome. Então, como você quer o apartamento?
Eu: Olha Phill, eu não sei nada sobre isso. - Eu ri. - Então, acho melhor você me ajudar. Bem, basicamente, eu não quero uma apartamento muito grande, e também não muito pequeno, quero algo que dê para andar sem problemas, sem aperto, sabe?
Phill: Hum.. certo! - Ele falou enquanto anotava algo no iPad.
Eu: Bem, eu quero também um apartamento com muitas janelas, porque eu me sinto melhor na claridade, e eu também quero que tenha um closet nele. Bom, eu não quero um quarto só, pois sempre há imprevistos, ou sei lá. Um banheiro, cozinha, uma copa, uma varanda, e uma sala é o básico. 
Phill: Tenho três apartamentos desse jeito que você quer, com preços variados, e também locais diferentes. Vamos ver?
Eu: Claro. - Falei sorrindo. Ele pediu a conta, e assim que pagou, saímos. 

Durante o percurso de carro, ele me mostrou um plano em 3D, de um dos apartamentos. Eu fiquei apaixonada, mas o espaço  era gigantesco. Então, eu precisaria ver os outros dois, para saber qual seria melhor para mim. 

*No dia seguinte*

É, eu não escolhi o apartamento divo feat. perfeito que eu vi. Mas porque seria espaço de mais para uma pessoa só. Então, eu escolhi um, por qual me apaixonei também, e não era tão enorme assim. Eu fiquei sonhado com o apartamento a noite inteira. Realmente o preço não foi tão barato assim, mas eu tinha o dinheiro, então, porque não? Eu assinei o contrato com o Phill, fiz tudo o que tinha que fazer. Mas ainda tinha que passar para o meu nome, o que dá um pouquinho de trabalho, mas eu não tenho pressa.

*Horas mais tarde*

Com apenas um rímel básico acompanhado pelo glós labial, sai confiante a espera do William. Em poucos minutos, sempre com a tal elegância da pontualidade, me deparo com o belo homem que vivi cerca de quatro anos. Ele era bonito e impecável, mas já não tinha mais graça. Eu não era mais a mesma, portando, o nosso relacionamento também não.

Will: Boa noite minha dama. Está linda como sempre! - Ele falou com o mesmo sorriso galante de sempre.
Eu: Boa noite meu caro! Você está impecável e sempre acompanhado pelo seu cavalheirismo! - Sorri retribuindo.
Will: Vamos? A noite é uma criança! - Ele falou esticando os braços para abrir a porta do carro tão bem conhecido por mim.
Eu: Claro! - Me sentia uma pessoa horrorosa. Pareço até aquelas mulheres arrogantes traiçoeiras típicas dos filmes.

Estendi a mão ao cavalheiro a minha frente. Meu coração pulsava cada vez mais forte, o sangue corria quente pelas minhas veias. Eu tinha planejado como acabar com o meu namoro estável com o Will, mas não tinha força suficiente.

O garçom com cara de bom moço nos guiou até a mesa reservada, ficava no canto da parede, era redonda, e continha algumas velas. Will como sempre, me permitiu sentar primeiro, afastando a minha cadeira. Ele pediu um vinho tinto, e me perguntou o que queria para entrada.

Eu: Will... para ser sincera, eu não estou com muita fome ultimamente. - Falei sorrindo sem humor.
Will: Tudo bem então amor. Vou pedir apenas uma salada simples para entrada certo? Número 48 bom jovem. - O garçom anotou o pedido e se retirou rápido como um raio.
Eu: Você me convidou para esse jantar... mas disse que tinha algo importante para me contar, o que é? Mulheres são curiosas.. - Falei brincando.
Will: Eu queria deixar para mais tarde, mas, como você insiste... - ele buscou algo dentro do paletó, era uma caixinha de veludos vermelha. Ah não!
Eu: Will.. pode esperar um pouco? E-eu vou no banheiro ok? Não saia daqui. - Falei nervosa. Sai correndo em direção do toalete mais próximo.

Em poucos segundos, algo me contraiu na parede, segurando com força a minha boca. Eu queria gritar, eu queria ar, eu queria acabar com tudo. Abri os olhos lentamente e vi que era apenas o Harry. Espera, o Harry? O que diabos ele esta fazendo aqui, agora, nesse momento?

Eu: Você me perde mas não perde a piada não é senhor Styles? - Falei conferindo se não havia nenhum espião de plantão. Ele apenas deu o mesmo sorriso de sempre.
Harry: Eu sabia que você viria aqui essa noite. Nada mais do que passar confiança para você. Ué. - Ele falou com a maior naturalidade do mundo.
Eu: Porra Harry, se alguém.. sei lá, descobrir, nos ver, qualquer coisa, você sabe o que pode acontecer?
Harry: Sei, nada de demais. Olha, estou aqui certo, perto de você, na mesa da frente. Tudo vai dar certo. Eu quero ficar com você poxa, eu já fiz a minha parte. Eu não suporto a ideia de você ser tocada por aquele, aquele.. ogro. - cuspiu as palavras.
Eu: Ta certo Harry. Eu sei disso. Eu também quero ficar com você. - Ele me puxou e deu um selinho rápido.
Harry: Vai lá. Por mim. - Ele disse e andou calmamente até a mesa frente a minha. Justo lá, que diabos.

Eu: Aqui estou eu! - Falei me sentando.
Will: Bom, já que você está apressada, vou logo ao ponto. - Ele tossiu como aqueles caras de cinema. - SeuNome, eu quero me casar com você!

Eu perdi o ar. 
Simplesmente não sabia o que fazer.
Não sabia o que dizer.
Eu estava perdida. 

Ok. Já podem me jogar pedras! Eu sinto muito, muito, muito, muito, muito, muito, muito mesmo! Eu viajei por um boom tempo, e para piorar a situação a internet não estava funcionando há mais de 1 semana! :o Eu quase morri. Sério. Eu demorei muito para postar, desculpem de verdade, eu não podia fazer nada, há não ser deixar esse capitulo pronto. Enfim, vou postar o próximo mais rápido que der. Tem MUITA coisa vindo por ai! haha ;) 

 PS: Desculpe-me novamente. oweie Comentem o que acharam, eu preciso saber a opinião de vocês, e saber se vocês estão lendo mesmo! Amo vocês!
 


12 comentários:

  1. Cara ela tem que dizer pro Will que ela não quer mais ele, ele não merece ser enganado tadinho, continuaa
    xoxoxo Duda

    ResponderExcluir
  2. Pqp, Gentney.. tô chocads.. Você quer me matar de curiosidade ou o que?
    Continua logo Bruna-san! T^T
    Beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Haha que nada, só para dar aquela emoção básica :D
      Desculpe a demora anjo, mas eu vou tentar postar hoje mesmo!

      Excluir
  3. Dalhe logo um pé na bunda vixe que cara pegajoso cavalheirismo e bom mas ai ja e de mais Demi santa paciencia Will disapega olx!!

    ResponderExcluir
  4. aah cacete !!! e meu core como que fica ?? mds mds aah eu to pirando aqui mds mds, amor me manda o seu tt ?? pq eu n to achando o seu , o meu é esse aqui : https://twitter.com/demetriavato1D , te mando meu fb por DM , amor quero mt falar com vc e vc sumiu ne mocinha ?? mds pq ?? dps te conte amoor e continue a escrever mds , e eu tenho uma ideia a gente escrever juntas que tal ?? sei la , quem sabe ne ?? sua diva e to amando vc e sua fic , ela ta ficando cade vez melhor , perfeita , caliente , ousada , meu core dispara toda a hora haha , B
    Biia Styles ~ eu denovo aqui u.u sim sim , eu sempre vou ta aqui pq eu sou dessas linda ~ Beeeeijoooos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico muito, muito, muito feliz em saber disso amore *O*
      Meu twitter é esse: https://twitter.com/wakeme1d
      Eu sumi mesmo, e sinto muito! Eu estava viajando novamente, e as aulas começaram, já teve até prova. Está sendo uma correria para mim, então, quase não sobra tempo. Mas eu amo muito a fic, e vou fazer o máximo para termina-la. :) E eu tenho muito respeito a todos que a leem, claro. Amo vocês de verdade!
      Esperarei pelos seus comentários haha ;)
      Beijos anjo *~~*

      Excluir
  5. Ain meu Deus pqp e agr?poxa posta logo senhor

    ResponderExcluir