Unfathful - Capitulo 08

| | |
E tudo ficou escuro

Perrie P.O.V's

Havia combinado de sair para fazer umas comprinhas básicas com a Eleanor. Ela anda um pouco estressada ultimamente, e como eu sou uma boa amiga, sei que ela esta passando por uma fase ruim agora. E se eu conheço bem a amiga que eu tenho, ela sempre dês-stressa quando faz compras, por isso, marquei com ela. 


- Zayn, amor, vou sair com a Eleanor, tudo bem? - Falei pegando a chave do carro. 

- Tá bem amor. - Ele falou mastigando com força um doritos e passando os canais da TV rapidamente. 
- Quer que eu traga um fast-food? - Perguntei abrindo a porta. 
- Não, os garotos irão vir aqui, e com certeza trarão uma grande quantidade de comida. - Ele riu. 
- Ok. Até depois. Bye! - Fechei a porta e fui até o meu carro. 



O trânsito estava, digamos: Tranquilo. Para um dia como hoje, sim. Sem muito movimento, sem muito barulho, sem muitos carros. Estranho. Mas tudo bem, não há do que reclamar, e sim, aproveitar! 



A Eleanor estava com um óculos de sol, dentro carro. No acostamento do prédio em que ela mora. Ela sorria, e mexia em algo no celular. 

- Oi senhora depressão, só que não. - Falei parando o carro ao lado do dela. A rua estava vazia, então, foda-se. 
- Oi menina chata. - Ela riu desviando a atenção do celular para mim. 
- Então, ainda tá de pé? - Arqueei a sobrancelha. 
- Não, estou sentada, você não vê? OH Pezz, vamos para um oftalmologista, agora amiga. - Ela fez uma cara de choque, e depois riu loucamente. 
- E você precisa de um psiquiatra sua maluca! - Estapeei de leve sua cabeça. - Vamos logo cabeçuda. 
- Tá tá, sua loira oxigenada. 
- Meu cabelo natural mandou beijos amiga. - Rimos. 
- Vamos logo e para de falar merda Perrie, a ornitorrinca. - Ela riu alto. 
- Vamos você, sua vaca louca!
Você sabe que eu te amo né amiga? - Ela sorriu fofa. 
- Claro que eu sei, minha florzinha de jujuba. 
- Acabou de inventar?
- Mais uma palavra para o seu vocabulário sinistro. - Ri. - Mas tá, vamos logo.
Let's Go amiga! 


[...]


Acenei para a Eleanor. Ela ainda estava com o humor de antes, porém, depois de me contar tudo o que aconteceu, ela ficou um pouco abatida. Ela ainda ama o Louis. Eu sei, e ela sabe. Eles se amam. Os dois, sem exceção. O problema é que, a Eleanor, se descontrola as vezes, e o Louis é muito protetor em relação a ela, por isso, eles acabam, se machucando, de certa forma. Essa vez foi mais grave. A Eleanor cuspiu da boca para fora, e agora, esta arrependida. Mas ela estava bêbada,  o que não ajudava muito em tal situação. 



Caminhei até o carro. Coloquei as compras no porta-malas. Quando ia abrir a porta para entrar, foi abordada. Um homem alto e forte me segurou por traz e girou meus braços, em seguida, colocou um pano em meu rosto. E tudo ficou escuro. 

Mandie P.O.V's

Hoje eu havia me deitado cedo. Meus dias aqui tem sido amáveis. Hoje a SeuNome irá trazer uns de seus amigos para a casa dela, quem sabe eu não me dou bem com eles? Me vesti e desci para tomar o café. SeuNome e minha tia já estavam na mesa. 

- Bom dia, darling! - SeuNome falou, após bebericar uma xícara. 
- Bom dia! - Falei sorrindo. 
- Hoje trarei meus animais, ops, amigos para cá. - Ela falou rindo. 
- Filha, não fale assim dos seus amigos. - Minha tia a reprendeu. 
- Mãe, é brincadeira. Horas! - Ela falava, ainda rindo. - Mas você tá inclusa, Madd. 


- Vá. A. Merda. - Falei pausadamente. 
- Não! Tchau. - Ela riu e saiu correndo. 

[Horas Depois...]

- Que grande .. MERDA! - Zayn gritou alto, tacando o controle do vídeo-game no chão. 
- Não aceita perder de uma mulher, MALIK? - Falei levantando uma das sombra celhas. 
- Não é isso! - Cruzou os braços e fez bico. - Eu sempre ganho da Perrie no vídeo-game. 
- Acontece que eu não sou a Perrie, baby. - Eu falei rindo. 
- Não me diga! - Falou, parecendo estar impressionado. 
- Ta Zayn, da próxima vez te deixo vencer. - Eu falei com o tom brincalhão. 
- Ah, assim não vale! - Ele cruzou os braços novamente. - HEY, sabe o que você pode fazer por mim? Assim, você poderá ganhar de mim sempre. - Ele falou rindo. 
- O que é, MALIK? - Falei rindo. 
- Vai comprar um sorvete para mim?? - Ele falou, tentando imitar os gatinhos do filme do gato de botas. 
- Hum, talvez. - Falei pensativa. 
- Aproveita e compra para o bando de esfomeados aqui. Tá? Tchau. - SeuNome retrucou, sem desviar o olhar do celular, para mim. 
- ALGUÉM FALOU EM SORVETE? - O Niall apareceu do nada, vindo da cozinha. 

Oie fofas!! Desculpem a demora para postar, mas eu acabei de entrar no mês de provas, então fica complicado. Ontem eu vim entrar no blog, e percebi que tinha deixado esse capitulo pronto, mas como eu sou lesada (fã da demi, tiau), esqueci disso. Mas enfim, talvez eu demore um pouquinho para postar os próximos, pelo fato de eu estar ruim em matemática, então, tenho que me esforçar, se não... SLAP. Minha mãe me mata. Falo de mais, eu sei. Tchau amores <3 E comentem u-u 

11 comentários:

  1. Continua florzinha de jujuba kkkkk :)

    ResponderExcluir
  2. U.U, Mandy sendo Mandy.... Let's go fofa, pode continuar... k k k

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza! ;D haha
      Logo logo, amre. :3

      Excluir
  3. entendo fofaaaa, o importante é vc ir bem em matemática q é um cú de matéria,bjão e continuaa quando puder tah
    by:Duda

    ResponderExcluir
  4. Bruna, Bruna. QUE CAPÍTULO PERFECT! Deus, amei, jujuba. '-' Você é lesada? EU sou lesada, pois.....

    Eu sou uma amendobobo ié! Nós somos amendobobos ié! Somos amendobobos IÉ!!

    Este é o meu nível de maturidade =]

    Enfim, continua. Ta PER-FECT!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Awn, fico muito feliz fofa.
      Obrigada, de verdade. :)

      Excluir
  5. Ameiii muito essa parte!E mais a musica que eu tava ouvindo(so what da Pink) combino muito com esse capitulo!
    Garota vida loja obrigada por faze essa fic ta uma loucura igual eu.Bjos

    ResponderExcluir